Um espaço para sermos …circunstancialmente…

saudades…

Ah, busco na mente um tempo que não volta mais. Tempo de um ministério efervescente, frutífero, pleno de bons amigos de mesma caminhada…

Busco na mente tantas realizações. Tanta gente com lágrimas por redescobrir caminhos. Por descobrir respostas a tanto tempo buscadas. Gente com lágrimas por tantas boas interrogações agora criadas.

Lembro bem do rosto de tantos jovens se auto-descobrindo. Jovens descobrindo caminhos onde antes apenas pareciam estradas. Amigos com sonhos em comum…

Quando me ponho a lembrar mais que saudosismo surge. Surge vontade de novamente estar. De voltar. Mas, pra onde? Posto que junto com sonhos terei que ver e aceitar os mesmos muros. Terei que conviver com o mesmo separatismo. Terei que participar e elogiar o moralismo. Mesmo o legalismo. Terei que cultuar o que não se deve cultuar…o tradicionalismo. Os costumes terei que adotar. A mensagem e programas teológicos importados dos irmãos americanos terei que incorporar.

Por que não dá simplesmente para se encontrar pessoas que busquem apenas a mensagem simples, cotidiana, sincera, que desnuda e não veste, que expõe quem de fato somos e não estimula o “encaramujar-se”, que busca o relacionamento e não a hierarquia que separa, que nos torna iguais e não os títulos e cargos que faz a vida com “castas”, que forma uma família e não torcidas de bandeiras denominacionais. Por que não dá simplesmente para encontrar essa gente sincera a fim de viver, ser e fazer juntos? Só. Por que? Por que junto com isso precisa haver disputas entre CNPJ’s, suntuosidades desejadas… por que?

Ah, como há saudades. Mas, também preguiça. Em ter que deixar-me coptar novamente a fim de que sonhos possam novamente tornar-se realidade.

…saudades…

Comentários em: "saudades…" (2)

  1. Belo texto. É uma saudade arrependida, ou um arrependimento saudoso. É uma saudade do futuro, talvez, onde estaremos “lá onde não há choro”, ou talvez se realize antes. Assim queira Deus, amém.

    • Newton, em alguns momentos ainda acho que viveremos aqui essas saudades. Em outros não mais…o futuro dirá…como arauto da resposta de Deus. Vamos ver juntos. Abraços, meu irmão.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: